quinta-feira, 5 de junho de 2014

Tendência mundial no tratamento da dor lombar e ciática.

O desenvolvimento da fisioterapia tem ajudado muito os pacientes portadores de doenças da coluna vertebral. Estudos baseados em evidência mostram que dentre as técnicas existentes, não existe uma técnica ideal para todos os pacientes. A classificação destes pacientes em subgrupos baseada no tratamento é considerada uma tendência mundial no tratamento da dor lombar e ciática. 
Este sistema de classificação tem forte embasamento científico e visa identificar as similaridades clínicas que determinam o ingresso do paciente em diferentes subgrupos. Há 4 subgrupos propostos, cada um nomeado de acordo com a intervenção, a qual, o paciente está mais propenso a responder satisfatoriamente. Os subgrupos incluem: Manipulação, Estabilização, Exercício Terapêutico Específico e Tração. Um exame criterioso é realizado a fim de obter as informações necessárias que possibilitem a inclusão do paciente em um destes subgrupos. Após uma anamnese cuidadosa, segue um exame físico onde os sintomas são monitorados durante testes que envolvem movimento único ou repetitivos e posturas sustentadas. Adicionalmente, são usados testes que avaliam a qualidade e magnitude dos movimentos do tronco, sintomas e avaliação do movimento intervertebral e triagem neurológica. Um algoritmo de tomada de decisão baseado na anamnese e exame físico é usado para facilitar a classificação. Após esta classificação, o paciente é orientado a seguir uma técnica de tratamento específico. Esta avaliação especializada é muito importante para o resultado do tratamento. Esta metodologia de tratamento por Subgrupos é o que utilizamos aqui no ITC Vertebral Sorocaba,  lembrando que este sistema esta sendo preconizado em nível mundial e o ITC Vertebral faz uso com excelência.

www.itcvertebral.com.br / www.herniadedisco.com.br
Dr. Luiz Fernando Sola

Nenhum comentário:

Postar um comentário